quarta-feira, 11 de agosto de 2010

Palavras e sentimentos


"O que pode destruir um sentimento,


não são apenas as palavras alteradas,

as que gritam, mas as que no tempo

caiem no silêncio e no silêncio... ficam guardadas!





São as que em formas de lágrimas vão correndo

disfarçadas, as que deslizam sufocadas,

as que agonizam em solidão, as que vão morrendo

de medo e apatia e as que se apagam estranguladas.





São as que não reclamam e de modo incerto

nascem silenciosas, em segredo,

onde apenas no silêncio da paz vivem perto

e num sussurro se encontram sem medo.





São as que os silêncios compreendem,

as que os silêncios guardam e lêem,

porque ninguém as ouve ou poucos entendem,

que tanto existe, para além daquilo que vêem!"
 
 
 
Fernanda Rocha